Inicial > Uncategorized > Crônicas de um mundo estranho. Episódio 01: HIPO-CRISIS

Crônicas de um mundo estranho. Episódio 01: HIPO-CRISIS

“Sossó” é funcionário de uma prefeitura do interior da Bahia. Branco. Assumidamente Gay, militante LGBT, ateu orgulhoso. Sua página pessoal do facebook é recheada de mensagens contra o preconceito, pregando a tolerância e o respeito entre os povos.
 
Numa cidade próxima, onde “Sossó” morava antigamente, um homem se suicidou. Mais especificamente, um homem negro enforcou-se.
 
A comoção tomou conta de muitos que conheciam o rapaz e de outros que nunca o viram. Muitos jornais e páginas do facebook noticiaram o triste fato. Em uma destas postagens de facebook, a família recebia mensagens de condolências de diversas pessoas. Entre as várias condolências, diversas referências à várias religiões distintas. A família lia estes comentários.
 
“Sossó”, que não conhecia o rapaz, resolveu comentar e responder vários comentários nesta postagem, por não concordar com o tom religioso de algumas destas mensagens de pesar. Nestes comentários, ele fez pouco caso de espíritas, cristãos, postou risadas e sugeriu que era apenas menos uma pessoa neste mundo cão, sugerindo que as pessoas largassem mão de escrever baboseiras. A família do rapaz que se matou estava lendo aquelas postagens.
 
“Sossó” continua bem na dele, como funcionário daquela prefeitura do interior da Bahia, bem próxima da cidade onde o rapaz se suicidou. Na sua página pessoal, ele postou mais uma frase criticando a falta de amor no mundo e sugerindo que falta tolerância.
Categorias:Uncategorized
  1. Dorotea Bastos
    outubro 10, 2017 às 6:30 pm

    “Sossó”: juiz de Facebook, historiador e cientista político formado pelas buscas do Google. Engenheiro pelo movimento DIY, jornalista e especialista em mídias sociais com diploma do YouTube. Adora criar polêmicas. Xinga muito no twitter. Passa horas buscando frases de efeito e notícias controversas. Vê o mundo pela moldura do seu monitor, mas sabe tudo sobre todos os movimentos sociais, conhece todas as minorias e sabe o que é melhor para cada uma delas. Aliás, sabe o que é melhor pra todo mundo. Seu próximo textão no facebook vai ser um guia sobre como acabar com a guerra na Síria com base nas duas últimas séries que ele assistiu.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: